Campinas, SP 30/12/2021 – “Nosso propósito é descentralizar o fornecimento de comida à população”, afirmou Vandecleya Moro

A proposta é unir voluntários que fornecem alimentos à população em situação de rua às entidades que desejam oferecer espaço de alimentação apropriado.

A Prefeitura de Campinas, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social, Pessoa com Deficiência e Direitos Humanos, lançou nesta quinta-feira, dia 30, no Diário Oficial, um edital de credenciamento para organizações da sociedade civil, instituições religiosas e associações de bairro e de moradores interessados em ofertar espaço para que a população em situação de vulnerabilidade social tenha acesso digno à alimentação, bem como realize refeições de forma gratuita e com condições de higiene.

“Nosso propósito é descentralizar o fornecimento de comida à população vulnerável, de modo a ampliar a oferta de alimentos, aperfeiçoar a logística do processo, identificando quais entidades em quais regiões atuam em quais dias da semana, garantir mais agilidade na distribuição de comida, assim como segurança sanitária, inclusive em relação ao novo coronavírus, cujos protocolos recomendam distanciamento”, afirmou Vandecleya Moro, secretária municipal de Assistência Social, Pessoa com Deficiência e Direitos Humanos de Campinas.

Diversas entidades já ofertam comida à população em vulnerabilidade social, muitas vezes em espaços pouco adequados à finalidade e a proposta é unir voluntários que fornecem alimentos à população em situação de rua às entidades que desejam oferecer espaço de alimentação apropriado. 

A Administração Municipal oferta, nos Centros POP Sares unidade 1 e unidade 2, vales para almoço no Bom Prato, assim como oferta jantar no Refeitório da Cidadania e na Casa da Cidadania. A ideia é ampliar a rede de oferta de modo coordenado.

As entidades interessadas deverão preencher formulário específico, acessado pelo link: https://forms.gle/MMm8f3xS2f2TkgNw7. Ao preenchê-lo, a instituição manifesta interesse no credenciamento prévio, sujeito a posterior validação pela Administração Pública. Caberá às organizações da sociedade civil, instituições religiosas e associações de bairros gerenciar, efetuar a limpeza e organização do espaço que será cedido para distribuição de refeições. O edital de credenciamento não tem data limite para inscrição.

 

Website: https://www.campinas.sp.gov.br/governo/assistencia-social-seguranca-alimentar/

Deixe o seu comentário