São Paulo – SP 6/8/2021 –

Uma pessoa em situação de dependência química não pode ter os cuidados interrompidos assim que deixa a reabilitação. O processo de recuperação pode ser longo e demanda acompanhamento especializado

Dados disponibilizados pelo UNOC, Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime, revelaram que, no ano de 2019, 35 milhões de pessoas sofriam com transtornos relacionados ao uso indiscriminado de drogas. Infelizmente, poucos cidadãos em situação de dependência química têm acesso ao tratamento ideal: foi possível constatar que apenas uma a cada sete pessoas será atendida por profissionais especializados.

No Brasil, o cenário não é muito diferente. O Ministério da Saúde revelou que 6% da população têm transtornos psiquiátricos graves por consequência do uso de álcool ou drogas. Além disso, 12% necessita de atendimento para cuidado com a saúde mental – seja eventual ou contínuo. 

Dessa forma, fica claro que embora os tratamentos em clínicas sejam essenciais, após a recuperação a vida do indivíduo acometido não volta ao normal. O acompanhamento profissional será preventivo e importante no decorrer de toda a vida. 

Tratamento e recuperação

O tratamento é reconhecido como protocolo aplicado a fim de auxiliar um paciente a superar uma doença ou problema. De acordo com Tiago Casoto, sócio-fundador do Grupo de Reabilitação, essa etapa costuma ser intensa. “O tratamento desintoxica o corpo e propõe uma nova realidade. Com todo acompanhamento feito dentro de uma casa de recuperação, o que vem depois costuma ser mais desafiador. Manter a sobriedade na vida em comunidade pode ser um desafio”, conclui. Isso acontece porque com a volta da rotina, a vontade de retomar velhos hábitos pode se fazer presente. 

Por fim, Tiago ressalta que a família é essencial neste momento. “Durante toda sua existência, um paciente que já teve problemas com álcool ou drogas sentirá abstinência. É preciso aprender a conviver com as condições dessa doença e compreender como será possível equilibrar os pontos. Por esse motivo, manter a rotina de cuidados e acompanhamento é indispensável. Além disso, costumamos assistir também as famílias, a fim de proteger ainda mais o paciente ainda em recuperação”, finaliza. 

Apoio especializado

O Grupo de Reabilitação é uma empresa que busca promover a saúde, atendendo a necessidade individual de cada paciente. Todo o corpo clínico possui qualificação e preparo para atender todos os níveis de dependência química e comorbidades, com profissionais com formação nas áreas em que atuam.

Todas as unidades do Grupo de Reabilitação contam com um espaço amplo, proporcionando momentos diversificados – entre eles, terapia e lazer. Além disso, todos os meses a clínica promove campanhas de apoio à saúde mental. 

Mais informações em: https://grupodereabilitacao.com.br/

Website: https://grupodereabilitacao.com.br/

Deixe o seu comentário