Como manter a sua privacidade na internet

Você sabia que é possível manter a sua privacidade na internet segura? Neste artigo, vou dar algumas dicas de como manter seus dados pessoais seguros enquanto navega pela internet. Inclusive, será possível conhecer melhor o que é uma VPN e porque de realizar a sua contratação.

Quantas vezes você já ouviu notícias na internet sobre usuários que foram invadidos e com os dados roubados por hackers? Os ataques bem-sucedidos não ocorrem apenas porque hackers experientes agem.

Alguns usuários nem se preocupam em fornecer uma proteção forte para seus dados, somente depois de serem hackeados é que eles se perguntam: como conseguiram hackear minha página, perfil nas redes sociais ou mesmo site?

Muitas vezes não prestamos atenção às coisas óbvias, a segurança dos dados pessoais na internet está constantemente sob ameaça.

A pergunta que fazemos sempre é: quem pode precisar roubar meus dados ?

Mesmo uma simples conta da rede social pode ser útil para os hackers, eles podem usar sua conta com seus dados para atrair  novas vítimas.

Para facilitar a navegação neste artigo, utilize o sumário abaixo e vá direto ao assunto desejado:

O que é uma VPN?

Uma VPN, ou Rede Virtual Privada, é um túnel seguro entre dois ou mais dispositivos. As VPNs são usadas para proteger o tráfego web privado da espionagem, interferência e censura.

Você sabia que o Google salva cada uma das suas pesquisas para sempre?

O Google salva cada uma das suas pesquisas para sempre. Uma caixa de correio registrada no Gmail, permite eles ligarem seu histórico de pesquisa ao seu nome real. Esta recolha de informações pessoais oferece a Google a possibilidade  de mostrar os anúncios nos quais você tem mais interesse ou vender essas informações suas a outras empresas para fins de Marketing. Por isso você vê todo tempo Ads de produtos que pesquisou.

O seu provedor de acesso a internet monitora o seu tráfego pela internet

Já não é novidade para ninguém, que seu provedor de internet está ciente de todos os seus movimentos na Internet. Existem muitas histórias reveladas por funcionários de que empresas monitoram o tráfego do cliente.

O que acontece quando você entra no site?

O provedor vê o URL que você abriu e analisa o conteúdo dos pacotes que chegam até você. Isso pode ser feito, por exemplo, com a ajuda de um ataque MITM (attack man-in-the-middle, homem no meio).

A partir do conteúdo dos pacotes você pode obter o histórico de pesquisa, analisar o histórico de solicitações, ler a correspondência e logins com senhas.

Para contornar essa invasão de privacidade, você pode contratar um serviço de VPN pago. Optar por uma VPN gratuita pode lhe expor ainda mais, porque eles poderão vender seus dados para sustentar os serviços deles.

Uma Virtual Private Network (VPN) vai criar uma conexão direta e altamente criptografada entre você e o servidor. Portanto, dessa forma, será possível manter a sua privacidade enquanto navega na internet.

Aprenda a criar um site e conheça o que está por trás da programação de uma página web

Talvez, você já deve ter pensado como funciona uma página web, não é mesmo? Ao aprender a desenvolver sites, será possível ter noções de como funciona a programação por trás de um site, bem como, saber e estruturar a sua página web contra invasões e hackers.

Caso, o seu interesse não seja cair de cabeça na programação de páginas web, a RHB Informática possui o curso de WordPress, onde, também, será possível aprender passo a passo como desenvolver um site, aplicar técnicas de segurança e otimização, com o uso de estratégias SEO.

Proteja os seus dados enquanto viaja

Os viajantes  devem estar preparados para os riscos associados à segurança dos dados digitais. Durante a sua estadia em hotéis ou na passagem por aeroportos, você expõe informações pessoais e dados potencialmente sensíveis que podem comprometê-lo.

Hoje em dia, os hotéis se tornaram um dos lugares mais perigosos em termos de segurança digital, e isso não é apenas especulação. Especialistas em segurança da informação vêm soando o alarme há muitos anos, apontando vários exemplos de ataques digitais sofisticados que os usuários dos hotéis enfrentam.

Antigamente, eram apenas alvos os  gerentes corporativos de alto nível, bem como ataques cirúrgicos contra representantes de alto escalão de autoridades estatais. Mas, atualmente os ataques digitais acontecem em larga escala contra um círculo muito mais amplo de usuários de hotéis.

Os empresários que baixam a guarda após uma jornada cansativa em viagens de negócios ao voltarem nos hotéis, levam em seus smartphones e laptops arquivos valiosos e informações pessoais, eles se tornam um  “saboroso petisco” para vários tipos de hackers.

Como hackers penetram no seu dispositivo enquanto viaja?

Como hackers penetram no seu dispositivo  enquanto viaja?
Como hackers penetram no seu dispositivo  enquanto viaja?

Naturalmente, o maior perigo digital vem da wi-fi do hotel.  Os hackers podem penetrar nas redes de hotéis para rastrear o tráfego que passa por eles ou inserir softwares maliciosos (Malware) que redirecionarão automaticamente os usuários ao se autenticarem em uma porta controlada por golpistas.

Pontos de acesso falsos representam outro grupo de risco potencial. Usando um nome de rede duplicado ou identificador de rede sem fio (Service Set Identifier, SSID) usado pelo hotel, os hackers podem criar pontos de acesso falsos e, assim, atrair suas vítimas, forçando-os a se conectarem a eles.

Portanto, caso as devidas medidas de segurança não sejam tomadas corretamente, sua conexão e acesso a internet não é seguro, ao utilizar redes sem fio dos hotéis.

Como se prevenir contra esse tipo de invasão?

Uma conexão VPN criptografada é a única maneira eficaz de proteger seus dados contra interceptação não autorizada. Viajantes a negócios devem se certificar de que seus departamentos de TI tenham configurado adequadamente uma conexão VPN para acessar sua rede corporativa, você precisa se conectar imediatamente a uma VPN antes de começar a navegar na web.

Serviços VPN baseados em nuvem, como o ExpressVPN, além de criptografar conexões, também podem ser usados para contornar a censura na internet, que existe em algumas regiões do mundo.

5 Formas de se proteger contra hackers

5 Formas de se proteger contra hackers
5 Formas de se proteger contra hackers

Atrair criminosos cibernéticos é mais fácil do que você pensa, uma pequena brecha na sua segurança pode levar com que seja vítima de extração de dados não  autorizados.

Vou deixar algumas dicas para ajudar você a aumentar a sua segurança na internet.

  1. Crie uma senha forte

Uma boa senha não deve ter menos de 12 caracteres, deve conter:

  • números;
  • letras minúsculas e maiúsculas.

Você não deve incluir informações pessoais fáceis de adivinhar, como uma data de nascimento.

  1. Não use a mesma senha para diferentes contas

Você não deve ter apenas uma senha (mesmo que seja  muito forte) e usá-la em todos os lugares. Se um dos sites for invadido, o hacker poderá usar o endereço de e-mail e a senha em outros sites.

Os gerenciadores de senha são muito úteis – eles armazenam todas as suas senhas, geralmente substituindo-as automaticamente pelos campos apropriados na página de login.

  1. Compre um Antivírus (não use um gratuito)

Os antivírus modernos não só bloqueiam o acesso a sites maliciosos, mas também verificam e-mails e links de download, além de proteger o computador contra invasões externas.

Quando um antigo cliente lhe envia um link com as palavras como “Veja, há um vídeo com sua mãe”, não é difícil adivinhar que você não pode seguir o link, e o proprietário da conta deve ser avisado que ele foi hackeado. Mas ultimamente, os hackers se tornaram mais espertos e os links são selecionados de acordo com os interesses e consultas de pesquisa dos usuários, como publicidade contextual. Então você só precisa estar alerta.

  1. Contrate um serviço de VPN

O uso da VPN mantém a atividade on-line segura de um provedor de Internet e, portanto, de hackers e serviços especiais. Com VPN, você pode até usar o Wi-Fi público e acessar redes online de  lugares desconhecidos.

5 Ferramentas que ajudarão você a economizar na hora de comprar online

5 Ferramentas que ajudarão você a economizar na hora de comprar online
5 Ferramentas que ajudarão você a economizar na hora de comprar online

Muitas vezes quando queremos comprar online, não sabemos exatamente onde encontrar o melhor preço, melhor mercadoria, hotel ou passagem aérea; ou às vezes pensamos que sabemos, mas quando completamos o pagamento o produto ou serviço que acabamos de comprar aparece 2x mais barato em outro lugar.

Como bônus, vou-lhe apresentar algumas ferramentas que ajudarão você a economizar.

  • Trivago

O trivago permite encontrar facilmente o hotel ideal, sem perder muito tempo procurando. Você não precisa procurar em vários sites para encontrar o número de hotel com o melhor preço. O trivago compara os preços de vários sites em poucos segundos e apresenta a melhor opção de todas possíveis.

  • Buscapé

Essa é uma ferramenta antiga e bastante conhecida pelos usuários. O comparador de preços Buscapé pode ser uma excelente alternativa quando surgir dúvidas na hora da compra e você estiver dentro de um shopping, por exemplo. Está disponível para Android e iOS.

  • Skyscanner

Quer comprar passagem aérea? A skyscanner é um aplicativo que através de preenchimento de alguns campos como destino e data, vai comparar os preços de todas as companhias aéreas existentes neste trajeto e apresentar os melhores preços. Além disso, o aplicativo permite também a comparação de preços de hotéis e aluguel de carros. Disponível para Android e iOS.

  • ExpressVPN

Além de impedir que seus dados pessoais sejam expostos, ExpressVPN impede que suas buscas pelos motores como Google, Bing e yandex sejam monitorados e vendidos para outras empresas com fins comerciais, também impede que as empresas cobrem mais com base em seu histórico de navegação.

  • ShoppingList

Este aplicativo vai somando o valor dos produtos, de maneira que, antes de chegar no caixa, você já sabe quanto vai gastar. É preciso digitar o preço ou baixar uma extensão que faz a leitura do código de barras. Disponível para Android.

Autor: Feliciano S. Télica

Feliciano S. Télica
Feliciano S. Télica

Deixe o seu comentário