Mato Grosso-MT 7/8/2020 – A desorganização financeira pode levar a grandes prejuízos ou até mesmo a falência de uma empresa.

Manter o dinheiro em ordem é uma estratégia importante para ter mais lucro nos negócios

Entre 2016 e 2017 mais de 55% dos brasileiros afirmavam ter os conhecimentos e habilidades necessárias para começar um novo negócio, como apontou o Relatório GEM do IBGE. Porém, um erro comum como misturar finança pessoal e profissional ainda é recorrente entre micro e pequenos empreendedores. Muitas vezes, essa desorganização financeira pode levar a grandes prejuízos ou até mesmo a falência de uma empresa. Porém, com uma gestão financeira equilibrada, é possível fazer projeções assertivas para os negócios e manter as despesas pessoais em dia. Para isso, algumas atitudes podem ser tomadas no dia a dia:

O uso de contas separadas

Muitos empreendedores administram suas finanças pessoais e empresariais utilizando a mesma conta bancária. Quando isso acontece, torna-se difícil visualizar os lucros e prejuízos do negócio. Além disso, instituições financeiras costumam oferecer linhas de crédito e serviços de cobrança especiais para contas de empresas. Também existem planos especiais para pessoas jurídicas, o que garante mais segurança e clareza na hora de fechar o caixa.

O chefe também precisa de um salário fixo

Outro erro comum de empreendedores é achar que podem retirar capital de suas empresas para cobrir gastos pessoais. Para manter o controle financeiro em ordem, é importante que seja determinado um valor fixo inclusive para os chefes, como o salário mensal do resto da equipe. Um ponto de atenção é que o chamado pró-labore deve ser compatível com a realidade financeira de cada negócio.

A reserva mensal

Estabelecer reservas mensais faz com que os empreendedores não precisem recorrer ao caixa de suas empresas. Além disso, com as constantes variações e instabilidades financeiras do mercado, é fundamental não contar apenas com o valor que o negócio fatura. O dinheiro que sobra no caixa da empresa deve ser investido em um fundo, poupança ou outra forma de rendimento para garantir um fôlego financeiro nos momentos de dificuldade.

Além de saber como cuidar das finanças da melhor forma, uma boa opção para os empreendedores é utilizar a internet a seu favor para aumentar as vendas. Como no Sicredi Conecta, por exemplo. Lá, as empresas ganham mais visibilidade e atraem novos clientes. Criado pelo Sicredi – a primeira instituição financeira cooperativa do país, – o aplicativo funciona como uma vitrine virtual para seus associados divulgarem produtos e serviços de forma rápida, prática e segura. Para saber mais, basta acessar o portal www.sicredi.com.br/conecta.

Website: http://www.sicredi.com.br/conecta

Deixe o seu comentário