São Paulo 21/8/2020 –

Através do Programa Municipal de Apoio a Projetos Culturais que incentiva projetos culturais e artísticos, o livro de história em quadrinhos de terror, Love Kills, do cartunista Danilo Beyruth, lançado pela editora Darkside, está sendo distribuído gratuitamente para jovens de instituições sociais da capital paulista. Além disso, alguns exemplares da obra estão disponíveis para compra online no site da Amazon por um valor promocional

São Paulo (SP), 19 de agosto de 2020 – Proporcionar, através do entretenimento e cultura, uma possibilidade de acesso a um maior número de pessoas. Assim é o novo projeto realizado pela Filmland Internacional – produtora brasileira de cinema, através do Pro-Mac – Programa Municipal de Apoio a Projetos Culturais e Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo que tem o objetivo de estimular a criatividade através da leitura. Trata-se de uma ação que prevê a distribuição de 1.500 exemplares do livro Love Kills, do cartunista, quadrinista e ilustrador, vencedor de diversos prêmios HQ Mix, Danilo Beyruth, para instituições sociais de São Paulo. Além disso, o projeto conta com a venda online por um valor diferenciado.

Como o projeto fará distribuição gratuita do livro para algumas instituições sociais de São Paulo, 150 livros serão destinados para a Secretaria Municipal de Cultura e outros 750 exemplares já foram distribuídos para três entidades: Casa do Povo (centro cultural que revisita e reinventa as noções de cultura, comunidade e memória), Instituto Sylvio Passarelli (instituição não governamental com foco na educação para jovens) e Caritas Diocesana de Campo Limpo (entidade de assistência e promoção social). Outros 600 exemplares de Love Kills foram colocados à venda pelo valor promocional de R$ 30,00, em loja específica no site da Amazon (https://www.amazon.com.br/LOVE-KILLS-Danilo-Beyruth/dp/8594541929).

Segundo o autor, Danilo Beyruth, a obra tem ganhado novos públicos, entre eles, mulheres mais jovens. “Além da interação do público da editora, Love Kills tem agradado muita gente, talvez pela história de terror que o livro traz, que tem como personagem principal uma vampira”, diz Beyruth que faz parte de uma geração que começou no universo das HQs há 10 anos e percebe hoje um interesse maior pelo assunto, tanto do mercado editorial quanto do público brasileiro. “Com este trabalho espero inspirar gente mais nova e oferecer um pouco do acesso à cultura no Brasil”, completa.

Um quadrinho que mistura suspense, sangue e muita ação, Love Kills é a primeira obra de Danilo Beyruth de puro terror. Ele, que é considerado um dos maiores nomes dos quadrinhos brasileiros da atualidade, é fã deste gênero, mas já produziu histórias de super-heróis, ficção cientifica e outros com abordagens mais adulta dos personagens clássicos da Turma da Mônica. “Já produzi também HQ com foco no cangaço e na colônia japonesa de São Paulo e agora resolvi arriscar no terror”, diz. O livro foi lançado no ano passado pela editora DarkSide Books, durante a Comic Con Experience 2019.

Para Tubaldini Shelling, produtor da Filmland Internacional, o projeto visa levar conhecimento e acesso à leitura para um público com pouco acesso aos lançamentos de livros, principalmente os conteúdos do mundo geek, mangá e quadrinhos, um dos preferidos pelos jovens. “A ideia é levar a estes jovens um pouco do universo HQ, para quem sabe, se inspirarem em autores e começarem a desenhar. Ler uma história em quadrinhos como forma de entretenimento, além de ser eficaz em novos conhecimentos, estimula o raciocínio, o vocabulário e promove o empoderamento feminino”, destaca.

LOVE KILLS

Trata-se de uma aventura baseada nos quadrinhos de Danilo Beyruth, com 248 páginas em preto e branco, que conta a história de vampiros em uma grande metrópole, São Paulo. Helena é uma vampira que vem cada vez mais se distanciando do seu lado humano. Um dia ela decide sair para caçar em seu território e acaba sendo surpreendida por Marcos, um mero humano que tenta defendê-la de uma cilada. Porém, Marcos não sabe que ela é na verdade um monstro mais do que capaz de cuidar de si mesma. Quando um vampiro milenar vem à sua caça, Helena é praticamente obrigada a contar com a ajuda de Marcos. Isso faz com que os dois se aproximem. As circunstâncias não só a farão enfrentar seus inimigos, como permitirão que ela redescubra o que ainda existe de humano dentro dela.

Danilo Beyruth

É publicitário, ilustrador e quadrinista brasileiro. Trabalhou por mais de 10 anos na DPZ Propaganda como diretor de arte. Ex-sócio da Macacolândia, estúdio de arte consagrado no mercado publicitário. Desde 2007 dedica-se a escrever e desenhar histórias em quadrinhos, sendo o criador do personagem Necronauta e autor das HQs Bando de Dois e São Jorge. Em 2012, lançou o álbum de estreia do selo Graphic MSP (selo autoral do estúdio Mauricio de Sousa que publica histórias com uma abordagem mais adulta dos personagens clássicos da Turma da Mônica), Astronauta – Magnetar. Colaborou na criação de personagens para o filme Motorrad, da produtora Filmland, selecionado para o Toronto Film Festival. Seus trabalhos em quadrinhos foram publicados na Espanha, Alemanha, França, Itália, Portugal e Argentina. Atualmente, colabora em duas adaptações cinematográficas de obras suas, uma delas sendo produzida em paralelo com o filme. Foi vencedor do Troféu HQ Mix na categoria publicação de aventura, terror e fantasia com o livro Samurai Shirô.

FILMLAND

A Filmland Internacional é uma produtora cultural, criada em 2001, que vem se destacando pelas grandes produções de teatro e filmes e tem como produtor Tubaldini Shelling. A produtora reúne um portfólio com diversos filmes bem recebidos pelo público e prestigiados em festivais de cinema, entre eles, o longa Motorrad, lançado pela Warner Bros, com direção de Vicente Amorim e participação no Festival Internacional de Toronto e no Festival do Rio. O filme foi apresentado em mais de 15 territórios pelo mundo. A produtora traz também em seu currículo os longas Divórcio, O Vendedor de Sonhos, O Concurso, Qualquer Gato Vira Lata, além do documentário Marcha da Vida e os curtas metragens De Glauber para Jirges e14Bis.

Deixe o seu comentário