Curitiba, PR 11/1/2021 – Essa retórica de que amor é algo difícil, dramático, está ultrapassada. Relação requer atenção, cuidado, maturidade. Tem que fazer sorrir e não sofrer.

O autor Dimas Rodrigues fala sobre a importância de um relacionamento saudável e sobre a desconstrução do machismo em época de pandemia.

O movimento feminista não é nenhuma novidade quando se fala em tempos modernos, contudo encontrar um homem dentro da internet, que se propõe a debater sobre o tema abertamente é de se causar certa estranheza, mas é exatamente esse o trabalho e os ensinamentos que o escritor Dimas Rodrigues gostaria de passar para seus seguidores.

O também influenciador digital começou sua carreira na internet e na escrita despretensiosamente, sempre um com ar leve e engraçado de se expressar em suas redes sociais. Ao longo do tempo o escritor começou a receber perguntas sobre relacionamentos, as quais respondeu com base em sua experiência de vida.

Dimas dialoga com seu público, em maioria feminino, sobre relacionamentos sob uma perspectiva masculina. O autor procura em suas redes sociais deixar bem claro como é um homem “tóxico” ou “babaca”. Em época de pandemia, por conta do confinamento que muitas pessoas e famílias estão vivendo, é mais do que necessário deixar um alerta sobre relacionamentos abusivos.

Especialistas no assunto alertam que a Covid-19 e o isolamento não tornam homens mais agressivos. Pois a violência histórica vem do machismo enraizado dentro da sociedade. E os abusos físicos e psicológicos contra a mulher não se resolvem com o fim do isolamento social, mas sim com a desconstrução do “machismo” e das desigualdades entre os gêneros.

Dimas é escritor de dois livros de sucesso focados em relacionamentos e autoestima, ele acredita que todo homem que conhece as discussões atuais, que tem vontade de mudar e de evoluir, deveria estar se “desconstruindo”. É por isso que em diversas vezes o autor se diz um “machista em desconstrução”. Já que reconhece que o machismo é uma estrutura social da qual ele mesmo já foi beneficiado por anos, onde o homem pode tudo e a mulher passa por inúmeras questões.

“Eu já achei, sim, que eu podia julgar uma mulher pela roupa que vestia, já estive nesse lugar de pensar que “sexo no primeiro encontro é sinal de que a mulher não se valoriza”, enfim, já reproduzi tudo isso.” O mineiro ainda conta que entende que esse não é seu lugar de fala e que suas amigas são suas grandes conselheiras sobre o assunto, que ele mesmo está em constante evolução e que, assim como ele, vários homens buscam a “desconstrução do machismo”.

Quanto ao relacionamento saudável, não somente em época de pandemia, mas como em qualquer outra, é necessária a convivência harmoniosa. Pensar no outro parceiro como um ser individual, que precisa ter seu espaço é um dos principais diferenciais que fazem um relacionamento ser duradouro. Dimas Rodrigues comenta em sua entrevista que um relacionamento saudável é aquele que está bom para os dois lados. Com respeito, cumplicidade e muita dedicação de ambas as partes.

Para o autor, uma relação saudável exige duas questões indispensáveis: leveza e individualidade. “Essa retórica de que amor é algo sofrido, difícil, dramático, está ultrapassada. Relação requer atenção, cuidado, incentivo, maturidade para as mudanças de cada um e por aí vai. Tem que fazer sorrir e não sofrer”, finaliza.

Fontes:

https://www.redebrasilatual.com.br/cidadania/2020/04/covid-19-homens-agressivos-violencia-contra-mulher-machismo/
https://oglobo.globo.com/celina/sem-masculinidade-toxica-homens-fazem-ate-curso-para-abandonar-machismo-23690453
https://gauchazh.clicrbs.com.br/donna/sexo-e-relacionamento/noticia/2020/03/como-lidar-com-o-confinamento-a-dois-em-epoca-de-coronavirus-ck8a5bgg8027g01rzblcuc2vv.html

Website: https://www.dimasrodrigues.com.br

Deixe o seu comentário