Rio de Janeiro, RJ 21/10/2020 – Empresas que costumam aperfeiçoar produtos e serviços, estar atualizadas com respeito às tecnologias do setor, tendem a alcançar a longevidade no mercado.

A inovação pode ser vista como um custo desnecessário, principalmente em empresas já estabelecidas no mercado, mas ela pode contribuir para a longevidade da empresa – segundo comprovado em uma pesquisa realizada pelo Sebrae.

Empresas que costumam, com frequência, aperfeiçoar produtos e serviços, estar atualizadas com respeito às tecnologias do setor, inovar em processos e procedimentos e investir em capacitação, tendem a sobreviver mais no mercado. Esse foi um dos principais resultados de uma pesquisa realizada pelo Sebrae, denominada “Causa Mortis: o sucesso e o fracasso das empresas nos primeiros cinco anos de vida”.

Para empresas do segmento de Facilities, não é diferente. Aperfeiçoar e inovar é ponto-chave para o bom atendimento, e consequentemente, para resultados comerciais. Segundo a Associação Brasileira de Facilities (ABRAFAC), uma pesquisa realizada em mais de 40 países, revelou que o Brasil movimenta anualmente cerca de R$16 bilhões em serviços de facilities. Um dos destaques da pesquisa para o Brasil é que ele já é o quarto país em número de edificações certificadas no sistema LEED (Leadership in Energy and Environmental Design), uma certificação inovadora na maneira como edifícios são planejados, construídos e operados.

Para atender demandas de empresas que investem em tecnologia de ponta, como o LEED, empresas do setor de facilities precisam estar atualizadas. Neste segmento, muitos dos contratos são de performance e têm por base a execução dos serviços, e não mais o número de profissionais contratados. Então, é preciso investir em mão de obra qualificada e tecnologia em todas os processos.

A Álamo Engenharia, empresa que atua no setor de engenharia de manutenção e facilities, é uma empresa que comprova que inovar é um investimento que contribui para a lucratividade da empresa, e sua longevidade. Fundada em 1970, a empresa sempre se preocupou em investir em inovação. Com isso conquistou algumas das certificações mais valorizadas no seu mercado – entre elas a ISO9001, a ISO14001 e a OHSAS18001. Com as certificações vieram acesso a novos mercados, novos clientes e premiações em qualidade de atendimento ao cliente, como o Prêmio MESC (Melhor Empresa de Serviço ao Cliente), do setor de facilities, em 2019 e 2020.

A empresa é um exemplo de que, mesmo no Brasil com todos seus desafios, é possível seguir crescendo. O negócio começou prestando serviços de consultoria em projetos de alta qualificação técnica para o desenvolvimento de infraestruturas, seguiu com especialização em manutenção predial e industrial, e evoluiu para a inclusão do segmento de facilities no seu portfólio de serviços. Hoje a empresa, que tem sua sede no Rio de Janeiro e filiais em São Paulo e Vitória, conta com mais de 1500 funcionários.

Além de inovação, a empresa também investe em transparência, diz Mauro Silva, seu diretor comercial. “Estamos cientes da nossa responsabilidade perante a sociedade e nossos parceiros de negócios. Por isso, iniciamos em 2019 um sistema de gestão de Compliance, beneficiando nossos clientes com mais transparência“. De certa forma, isso também é investimento em inovação. Mais que tudo, com mais transparência, a Álamo Engenharia, comemorando seu aniversário de 50 anos, demonstra ser uma empresa comprometida com seus clientes e com a sociedade como um todo. Inovar, aperfeiçoar, atender melhor e com ética, será sempre fatores positivos para o crescimento da empresa.

Website: https://alamoengenharia.com.br/

Deixe o seu comentário