São Paulo,SP 17/7/2020 –

O empréstimo realizado entre pessoas físicas já é uma realidade no mercado brasileiro.

A ideia do empréstimo entre pessoas físicas surgiu, justamente, com o objetivo de facilitar o acesso à linha de créditos com taxas e juros menores do que aquele que é praticado pelo sistema tradicional, ou seja, pelos bancos e grandes instituições financeiras. São operações de empréstimo de capital de forma online, segura e entre pessoas. Além de ser uma realidade, essa atividade também já foi devidamente regulamentada pelo Banco Central brasileiro desde 2018

A ideia dessa modalidade de empréstimo é bastante simples e gira em torno da união de pessoas interessadas em investir capital com outras pessoas que estão em busca de crédito com opções de taxas e juros menores que nos bancos. Essa tem sido uma saída muito procurada em tempos de pandemia, onde é necessário conseguir capital para manter o seu pequeno negócio funcionando. As vantagens são para os dois lados da negociação: o tomador do empréstimo consegue crédito com taxas menores que aquelas praticadas pelos bancos, enquanto o investidor consegue um bom retorno.

Vale destacar que essa é uma operação bastante segura, uma vez que tem a supervisão e a regulamentação do próprio Banco Central. A operação em si é realizada por meio da mediação de empresas previamente autorizadas e licenciadas pelo BC. Essas empresas são chamadas de fintechs e foram criadas com o objetivo de intermediar a negociação, pois uma vez que o empréstimo é aprovado, ambas as partes, investidor e tomador, assinam um contrato digital. O objetivo das fintechs é manter a lisura do processo e garantir que todas as partes saiam satisfeitas ao final do processo.

Como solicitar um empréstimo entre pessoas?

Outro grande objetivo quanto à disponibilidade dessa modalidade de crédito é, pontualmente, oferecer uma maior praticidade na hora de solicitar o valor do empréstimo. Por isso, com apenas alguns cliques pelo computador ou por meio do celular já é possível solicitar o crédito.

O primeiro passo é escolher uma das fintechs disponíveis. Em geral, será necessário criar um cadastro pessoal com login e senha no sistema. A próxima etapa será escolher o crédito de acordo com os limites pré-estabelecidos pela instituição – para quem está solicitando seu primeiro crédito. Tudo muito simples, rápido e sem precisar sair de casa, agendar horários, enfrentar filas ou passar por análises de crédito complexas. Além disso, em muitos casos, também é possível fazer simulações para saber sobre as taxas e as parcelas que melhor se adequam à situação financeira do solicitante.

As taxas podem variar de acordo com a instituição escolhida. No geral, mesmo com as variações, é possível encontrar taxas bem abaixo daquilo que é praticado nos bancos, por exemplo.Os interessados, tanto em tomar dinheiro emprestado por meio dessa modalidade quanto em emprestar, são submetidos a análises de perfil por partes das fintechs. A finalidade dessa análise é descobrir se ambas as partes poderão cumprir com suas obrigações, desde a liberação do crédito pelo investidor até o pagamento por quem toma emprestado.

Para quem busca um empréstimo e pretende recorrer à modalidade de empréstimo entre pessoas físicas, cabe saber que o Bullla é uma das principais fintechs do mercado quando o assunto é empréstimo entre pessoas físicas. Com rapidez, praticidade e segurança, o Bullla se tornou uma excelente alternativa para quem busca empréstimos com as melhores taxas do mercado, além de investidores que estão em busca de bons retornos em operações seguras.

Além dos diferenciais já destacados, o Bullla também dispõe de um serviço totalmente online. Ou seja, todos os procedimentos são realizados pela internet, sem quaisquer transtornos para as partes envolvidas. No site é possível encontrar mais informações, como as condições do Bullla para os tomadores de créditos e para investidores.

Mais informações em: https://www.bullla.com.br/

Website: https://www.bullla.com.br/

Deixe o seu comentário