São Paulo 3/12/2021 –

Comprometida a buscar apoio para suas ações voltadas à reformulação do setor de crédito brasileiro, a Associação Brasileira de Crédito Digital (ABCD) acaba de anunciar a B3, a bolsa do Brasil, como nova mantenedora da entidade.

Uma das principais empresas de infraestrutura de mercado financeiro do mundo e uma das maiores em valor de mercado, a Bolsa de Valores brasileira objetiva, por meio do acordo, aproximar o mercado de crédito ao de capitais e fomentar soluções inovadoras que contribuam para o ecossistema financeiro do país.

“Além disso, pretendemos realizar ações em conjunto com a ABCD, visando ampliar o número de fintechs que utilizam os serviços de registro de instrumentos de crédito da B3”, completa Rodrigo Pereira, Superintendente de Novos Negócios, Inovação & Corporate Venture.

“É papel da B3 conectar, desenvolver e viabilizar o mercado, com o intuito de potencializar o crescimento do Brasil, e essa nova parceria nos impulsiona ao encontro desse objetivo. Além de ter convergência com as bandeiras da ABCD”, destaca Rodrigo.

Diretora executiva da ABCD, Claudia Amira salienta a importância de contar com o incentivo da B3 para as ações da associação. “É por meio de nossas mantenedoras que podemos potencializar nossa atuação em prol de um setor de crédito mais moderno, eficiente e democrático”, pontua. “É uma satisfação poder contar com a B3 nesse time a partir de agora.”

Claudia adianta que o acordo entre a Associação Brasileira de Crédito Digital e a Bolsa de Valores brasileira envolve uma série de ações a serem brevemente definidas entre as partes.

Deixe o seu comentário