Campinas 29/10/2021 –

A tecnologia avança rápido para mudar a realidade do campo. Inteligência artificial e conectividade estão ganhando cada vez mais espaço no mercado, permitindo ao produtor controlar remotamente as propriedades rurais. O setor da irrigação de precisão faz parte desse movimento, apresentando inovações que estão transformando a agricultura irrigada no Brasil e no mundo.

No sudoeste de Minas Gerais, testes revelam um novo projeto que irá aproximar o produtor brasileiro de uma nova realidade, marcada pela automatização e monitoramento dos sistemas de irrigação via celular conectado a grandes distâncias. A iniciativa é parceria entre a Valmont®, líder mundial do setor de irrigação de precisão, conhecida internacionalmente pela fabricação e distribuição dos pivôs centrais Valley®, e a Trópico, empresa brasileira que é referência no fornecimento de Soluções Integradas de Conectividade e Aplicações (SICA) para o agronegócio.

A Trópico instalou uma das suas soluções de conectividade em uma fazenda que utiliza os pivôs Valley para irrigação. Com a tecnologia, os pivôs são conectados à internet por meio de uma rede celular privada – o objetivo é contornar as lacunas das redes celulares públicas, que não cobrem todo o território nacional e são apontadas como um grande obstáculo enfrentado pelos produtores que procuram modernizar as suas propriedades.

O General Manager da Valmont Brasil, Renato Silva, explica como a conectividade oferecida pelas soluções da Trópico auxilia o produtor no dia a dia da fazenda.

“A Valley desenvolveu o primeiro painel inteligente para pivôs de irrigação do mercado, o ICON, uma tecnologia avançada que permite integrar o pivô a outros recursos, como sensores de umidade, temperatura e vento, com o controle de tudo isso pelo celular”, diz, ressaltando que, para que esse controle a distância funcione, a conectividade é a base. “Buscamos na parceria com a Trópico uma solução definitiva e de longo prazo para um problema enfrentado por diversos clientes que têm interesse em investir neste tipo de tecnologias”, comenta Renato.

Além dos painéis ICON, a Valmont também está investindo no desenvolvimento de outros projetos que têm a tecnologia como protagonista. Recentemente, a empresa adquiriu a Prospera Technologies, possibilitando a entrada definitiva em uma nova era da agricultura de precisão, com a introdução da inteligência artificial. “A nova tecnologia de agronomia avançada integra câmeras ao pivô, para a obtenção de imagens em alta resolução. As imagens são transmitidas e analisadas por meio de visão computacional, monitorando o estado da lavoura. Esse grande volume de dados – armazenado na nuvem – precisa ser transmitido e com alta velocidade. É aí que entra a conectividade superior da Trópico”, resume o General Manager.

Nos testes realizados em Minas Gerais, a rede celular privada operou na frequência de 250 MHz, capaz de alcançar longas distâncias com velocidades de banda larga para a comunicação entre pessoas e máquinas – incluindo os pivôs de irrigação Valley. O presidente da Trópico, Paulo Cabestré, explica que a tecnologia permite a cobertura de toda a fazenda com uma única torre, viabilizando a implantação de uma rede totalmente dedicada ao produtor rural.

“As soluções da Valley e da Trópico se complementam. Estamos muito empolgados com a parceria, pois entendemos que, juntos, podemos trazer ainda mais produtividade e sustentabilidade à agricultura brasileira. Os dados em tempo real na mão do produtor transformam a agricultura de precisão em agricultura de decisão”, afirma. “E a Trópico está empenhada em contribuir para erradicar o deserto digital brasileiro, levando sua Solução Integrada de Conectividade e Aplicações para as áreas rurais mais remotas do país”, acrescenta Cabestré.

Deixe o seu comentário