Rio de Janeiro, RJ 6/10/2021 – “As relações pacíficas, de amizade, cooperação e diplomacia nas relações externas são determinantes para o progresso do país”, pontua Giselle Farinhas.

O evento “Diplomacia, Direito e Comércio Exterior” discutirá a importância da diplomacia e da legalidade no âmbito nternacional abordando de que forma isso vem influenciando o comércio exterior. O evento contará com bloco especial da China.

A OAB RJ, subseção Barra da Tijuca, em comemoração aos trinta e três anos da Constituição da República Federativa do Brasil, reunirá grandes nomes do direito, juristas, diplomatas, políticos, líderes empresariais e professores para um debate sobre diplomacia, direito e comércio exterior que será realizado no próximo dia 07/10, quinta-feira, a partir das 15 horas, transmitido ao vivo pelo canal do YouTube da OAB Barra. A iniciativa é da Comissão do Comércio Exterior, instalada durante a pandemia do coronavírus, considerando as graves crises que envolveram o mercado internacional e a necessidade de atuação da OAB no segmento para orientação da classe e da sociedade. O evento “Diplomacia, Direito e Comércio Exterior”, tem o objetivo de fomentar, incentivar e aprimorar os aspectos legais do âmbito comercial jurídico internacional, oferecendo sugestões, conteúdo, debates e integração junto aos organismos representativos do segmento.

A advogada Giselle Farinhas, presidente da Comissão, fará a abertura do evento ao lado de Marcus Soares, o presidente da subseção Barra da Tijuca. Em seguida, a conselheira do Ministério das Relações Exteriores, o diplomata Pedro Sloboda, do Ministério das Relações Exteriores da Divisão da ONU (Organização das Nações Unidas) abordará sobre diplomacia e direito – um elo indispensável. O evento contará, ainda, com um painel especial Brasil-China, que será aberto por Giselle Farinhas, Thomas Law, Presidente da Coordenação Nacional das Relações Brasil-China, da CEBRAONU (Comissão Especial Brasil- ONU) e do IBRACHINA (Instituto sociocultural Brasil-China) e, Charles Tang, Presidente da Câmara de Comércio Brasil-China que comentarão sobre a importância das relações pacíficas e amistosas junto à China, o principal parceiro brasileiro no comércio exterior, com Thomas Law palestrando sobre a ótica legal nas relações sino-brasileiras.

Vale lembrar que a OAB foi uma das primeiras entidades a emitir nota de repúdio ao atentado contra o consulado chinês no Rio de Janeiro.

“A xenofobia, os ataques contra chineses e uma série de posições governamentais com aparência de resistência à comunidade chinesa vêm se reproduzindo no contexto brasileiro. Esses últimos acontecimentos precisam ser rechaçados, pois refletem, diretamente, nos investimentos estrangeiros no país prejudicando a economia e seu desenvolvimento. As relações pacíficas, de amizade e diplomacia nas relações externas são determinantes para o progresso do país”, pontua Giselle Farinhas.

O evento ainda contará com grandes lideranças empresariais, como José Ricardo, CEO LIDE CHINA, que é um dos grupos mais fortes do país nos negócios sino-brasileiros. O Instituto INVEST Brasil, instituído pela Frente Parlamentar Investe Brasil, aprovado através da Resolução 16 de 2021, do Senado Federal, que será representada por sua presidente Pricila Menin. Ela participará do debate junto a palestrante estrangeiro, Carlos Rodrigues, que é Diretor do Comitê de Altos Estudos Asiáticos da Universidade de Aveiro, Portugal, no qual debaterão os assuntos mais sensíveis ao mundo empresarial como a nova rota da seda, o declínio da construtora Evergrande, novos investimentos e oportunidades para o comércio exterior, dentre outros.

O evento é um paradigma para OAB, já que as relações diplomáticas à luz da ótica jurídica jamais foram debatidas na Ordem dos Advogados e promete, portanto, trazer informações preciosas à sociedade sobre o assunto. 

 

Website: https://www.oabbarra.com.br/

Deixe o seu comentário