Santo André, SP 18/10/2021 – Agora é a hora, não adianta de nada o alto nível de oferta de empregos, se não temos profissionais qualificados para suprir essa demanda.

Apesar do dado alarmante, especialista afirma que cada vez mais pessoas retornam aos estudos. 

Segundo um levantamento realizado em 2019 pela Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD), mais da metade da população brasileira acima dos 25 anos não concluiu o ensino básico, chegando a marca de 51,2% (ou 69,5 milhões de pessoas). 

Segundo Rabello, Diretor de expansão do Grupo GV educacional e especialista para supletivos, mesmo com um alto índice abandono no ensino básico, muitas pessoas estão voltando as escolas em busca do tão sonhado certificado de conclusão do ensino básico, o motivo do aumento na procura tem total relação com a crise de desempregos no país e a constante exigência das empresas por profissionais cada vez mais qualificados e que possuam ensino médio completo mesmo para vagas de classe baixa.  

O Instituto de Ensino e pesquisa afirma que um profissional que possui o ensino médio chega a receber um salário de até 36% a mais do que alguém que só estudou até o ensino fundamental. 

Questionado sobre a situação, Rabello declara “É uma situação complicada, apesar do crescimento de adultos dando continuidade aos seus estudos, é de se preocupar que metade da população adulta não ter nem se quer o Ensino Médio. Não tem como se conformar com essa situação”. 

Além disso, a formação público no EJA na maior parte do país é de 2 anos, porém é possível concluir o ensino básico em poucos meses em qualquer lugar do país através de meios privados, o que aumenta ainda mais o atrativo para que essas pessoas voltem as salas de aula e conquistem a tão sonhada formação. 

Para saber mais como voltar aos estudos e concluir o ensino basta acessar o site: https://www.grupogveducacional.com.br/ 

Website: http://gveducacional.com.br

Deixe o seu comentário