6/10/2021 –

A Confenar, Confederação Nacional das Revendas Ambev e das Empresas de Logística da Distribuição, mantém-se atualizada quando se trata de tendências do mercado. Prova disso é que temas da agenda ESG (sigla em inglês para Environmental, Social and Governance) já estavam na pauta da Confederação há mais de 10 anos e hoje ganham ainda mais força por meio de metas e compromissos que estão sendo implementados na rede de associados.

Promovidas por um Comitê especializado em ESG, que atua para ampliar a cultura sobre o tema entre as revendas, essas ações objetivam conscientizar e incentivar cada vez mais a rede de distribuidores a acompanhar as metas discutidas na ONU para 2030 e a repensar suas próprias atividades diárias, assim como sua visão de futuro. Por meio de treinamentos e construção conjunta de métricas capazes de avaliar o grau de Sustentabilidade Empresarial das revendas, a Confenar promove a capacitação e a reciclagem de conhecimentos sobre boa governança de aspectos ambientais, de gestão e responsabilidade social, potencializando ações que já trazem bons resultados e apontando melhorias nas demais áreas.

Sobre as ações referentes ao meio ambiente, destacam-se o cuidado com resíduos, a otimização de rotas e a gradual adesão às frotas elétricas.  “Toda empresa tem responsabilidade na proteção do meio ambiente e na construção de um mundo melhor, com ações e projetos que geram impactos positivos. As nossas revendas são tidas como referência em suas cidades e regiões. Assim, temos um papel diferenciado no desenvolvimento social, ambiental e no cuidado com nossas comunidades e futuras gerações”, afirma Mariela Baptista, uma das executivas responsáveis pelo Comitê Especializado em ESG da Confenar.

Já as ações de responsabilidade social estão em grande crescimento com trabalhos em relação à conscientização e ações efetivas na direção de ampliar a diversidade e estabelecer uma real cultura de inclusão nas revendas associadas. E quando se trata de governança corporativa, a responsabilidade com a adequada gestão das empresas, a transparência e o compromisso com a observância das leis e normas que regem o setor, como a nova LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais) já estão entre os fundamentos da Confenar, sendo um dos pilares da entidade.

“Quando você organiza a sua revenda de forma estratégica e com igualdade, a possibilidade de haver continuidade naquele trabalho que foi construído é garantida. Com isso, ganha-se muito em termos de gestão e credibilidade no mercado. Por isso, eu digo: invista. Invista no profissionalismo, na transparência e no planejamento da sua organização. A governança é o caminho”, salienta Maria Eugênia Pinheiro e Pedroza, também executiva membro do Comitê de ESG da Confederação.

Com essas ações, a Confenar tem trazido impactos positivos não apenas para seus associados, mas para todo o setor. Desde fornecedores até clientes finais, todos aprendem e multiplicam os bons exemplos em cada elo da cadeia e ganham com o maior cuidado a esses temas caros à sociedade e ao meio ambiente. Sobre o assunto, o Presidente da Confenar, Ataíde Gil Guerreiro, sublinha a velocidade de adaptação da rede de revendas a cada nova diretriz, transformando as suas operações e suas práticas diárias. “Temos 18 anos de serviços prestados no mercado brasileiro e estamos rejuvenescendo. O mundo está se desenvolvendo rapidamente e nós estamos acompanhando muito bem”, disse.

 

ESG: há mais de uma década na história da Confenar

Já em 2010, quando o termo “ESG” despontava no mundo sinalizando as novas diretrizes empresariais e chamando a atenção de stakeholders (públicos de interesse), a Confenar já realizava práticas de incentivo ao bem-estar socioambiental dos ecossistemas internos e externos às revendas. Nesse mesmo ano, o evento anual da Confederação, o Agenda Confenar, dedicava-se ao tema sustentabilidade sob a ótica de quatro ângulos-chave: Ética, Lucro, Social e Ambiental. Inclusive tendo compensado toda a emissão de carbono do evento com o plantio de vegetação nativa em reservas florestais, o que garantiu à entidade o selo Carbon Free, um reconhecimento inédito para eventos do segmento de bebidas.

 

“Desde 2010, falamos desses temas na Confenar, destacando que Sustentabilidade se apoia em 4 pilares: Ética, Lucro, Responsabilidade Social e Ambiental. Hoje, vemos que esse conceito está contemplado nas práticas ESG que a companhia e a Rede desenvolvem através das ações incentivadas pelo Comitê de Sustentabilidade. Fico feliz em ver a Confenar orientando as revendas a se prepararem para essas práticas”, disse Adriana Neves, Diretora de Comunicação e Marketing da Confenar e membro do Comitê de ESG.

Website: http://www.confenar.com.br

Deixe o seu comentário