São Paulo, SP 12/8/2021 – Temos o maior orgulho de poder ajudar a proteger e expandir a cultura nacional e internacional.

Casos de incêndios em museus e galpões, como o da Cinemateca de São Paulo, que aconteceu em julho deste ano, ou mesmo as emblemáticas tragédias do Museu Nacional, em 2018 e do Museu da Língua Portuguesa, em 2015, mostram que a arte e a cultura brasileira estão correndo riscos irreparáveis.

Situações como estas podem ser evitadas, com o avanço da tecnologia e melhoria de processos, é possível guardar e preservar com maior segurança o extenso acervo cultural nacional. A Iron Mountain, líder mundial em armazenamento e gerenciamento de informações, desenvolveu ao longo de 70 anos protocolos para guardar filmes e músicas de forma segura, preservando as mídias originais por décadas, em cofres climatizados e à prova de incêndios. Nos EUA, um dos principais clientes é o Grammy, mas os grandes estúdios de cinema também confiam seu acervo à Iron Mountain.

No Brasil, a área de Film & Sound conta com um cofre construído nos padrões da matriz e todos os equipamentos para cuidar do acervo de diversas gravadoras, estúdios, produtoras de áudio e vídeo e veículos de Rádio e TV. A empresa faz a guarda, gestão, manutenção e conversão de mídias (físicas e digitais), além da recuperação de mídias danificadas. A Iron Mountain fornece ambientes de armazenamento seguro e com clima controlado, proporcionando a proteção ideal contra temperaturas extremas, umidade, poeira, contaminantes e danos causados pelo tempo.

Além disso, o acervo fica sob a guarda de profissionais, que cuidam das etapas de gerenciamento, como: planejamento, classificação, organização, controle, tramitação, avaliação e conservação. Além disso, a Iron Mountain consegue zerar os riscos de extravio, vazamento de dados confidenciais e assim gerar conformidade com as leis de privacidade, como a LGPD.

Para qualquer sociedade, é importante preservar o seu patrimônio cultural, pois representa a sua herança, reflete e molda os seus valores, suas crenças e aspirações, definindo assim sua identidade. Por isso, o investimento em soluções de armazenamento seguro é importante para que as gerações futuras tenham acesso ao seu legado.

Não por acaso, no mundo todo o armazenamento digital tem desempenhado cada vez mais um papel importante na preservação do patrimônio cultural. O acesso online facilita o compartilhamento do patrimônio cultural e histórico e a sua difusão. O armazenamento digital não é apenas um método de preservação, mas é a tendência para o futuro. Afinal, a melhor forma de preservar o patrimônio cultural é compartilhá-lo.

Entretenimento: Film & Sound Iron Mountain

Nos Estados Unidos, recentemente, o Museu do GRAMMY disponibilizou no seu site a nova série documental “Live From The Vault” em parceria com a Iron Mountain. Foi feita a curadoria de alguns dos vídeos arquivados como parte da nova série, e a proposta foi levar os fãs ‘para dentro dos cofres’ de alguns dos programas mais icônicos do museu, apresentando filmagens raras. Para aumentar a acessibilidade, também foi utilizado o Serviço de Localização de Conteúdo (CLaaS, na sigla em inglês) da Iron Mountain para transcrever os arquivos para outros idiomas, incluindo legendas.

No Brasil, a Iron Mountain atende empresas de entretenimento como BMG, EMI, Sony e Globo. Bem como artistas, como a cantora Marisa Monte, que tem todo o acervo de músicas e composições guardadas pela companhia. “Temos o maior orgulho de poder ajudar a proteger e expandir a cultura nacional e internacional”, ressalta o presidente da Iron Mountain Brasil, Orlando Souza.

Outros serviços de armazenamento seguro

Outras soluções diferenciadas no processo de armazenamento seguro são a Guarda de documentos, que protege, armazena e conserva arquivos originais das empresas, utilizando infraestrutura de alta segurança e medidas de proteção de dados, e o Gerenciamento de arquivos ativos, cuja funcionalidade ajuda as empresas com o gerenciamento e a recuperação de registros. O armazenamento dos arquivos ativos é realizado com a aplicação de técnicas de organização, garantindo segurança, preservação e agilidade na consulta, podendo ser identificadas por meio do código de barras.

A Iron também dá suporte às Belas Artes por meio de metodologias de gerenciamento e conservação de qualquer coleção, privada ou institucional, com amostragem em todas as etapas administrada por um sistema integrado, e apresenta o serviço de Biosafe para a conservação de lâminas e parafinas de exames de patologias, feitos pelos principais hospitais e laboratórios. A solução armazena, manuseia e transporta o acervo da empresa, pesquisa dados armazenados via web e encaminha exames em até 4 horas após a solicitação.

Armazenamento em nuvem

Uma das soluções mais tecnológicas dentro do armazenamento seguro é o Cloud Storage, que utiliza um sistema de conteúdo inteligente para estruturar os dados de forma estratégica para o negócio, classificando grandes volumes de dados físicos e digitais, em mais de 50 formatos diferentes na nuvem, com busca ágil e centralizada, sejam eles: áudios, vídeos, imagens, documentos, gráficos, plantas arquitetônicas e outros.

“Investimos na simplificação de processos para que as empresas possam se dedicar a novas oportunidades de negócio. A partir de 2018, o serviço de digitalização acelerou, desenvolvendo soluções em nuvem e, em 2020, registrou crescimento de 40% em soluções digitais”, explica Orlando Souza.

A solução ainda disponibiliza um software para que os documentos possam ser localizados facilmente, com alguns cliques. Assim, a empresa pode gerenciar o acesso aos dados armazenados de acordo com a hierarquia e manter um registro sobre quem acessou os arquivos.

Website: https://www.ironmountain.com.br/

Deixe o seu comentário