São Paulo – SP 20/8/2021 –

A banda larga fixa é o principal tipo de conexão domiciliar, representando 68% dos usuários brasileiros

O número de brasileiros conectados à internet é de 152 milhões. A constatação é do Comitê Gestor da Internet do Brasil (ICG) através da pesquisa ITC Domicílios 2020 que foi lançada pelo Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação (Cetic). De acordo com o levantamento, isso representa 81% da população acima dos 10 anos. 

A pesquisa também apontou que é a primeira vez que foi identificada uma proporção maior de domicílios com acesso à rede (83%) do que indivíduos usuários (81%). Em uma comparação com 2019, o aumento registrado foi de 12% e de 7%, respectivamente.

O levantamento do ICG ainda constatou que mais usuários procuraram (42%), ou realizaram (37%) serviços públicos na internet em 2020. As atividades foram realizadas na maioria das vezes entre moradores de áreas urbanas, com mais escolaridade, além de pessoas que fazem parte das classes A e B. 

Foi constatado ainda pela pesquisa o crescimento da realização de transações financeiras dentro do ambiente digital (43%, contra 33% em 2019). Esses números, segundo o estudo, se devem provavelmente ao surgimento do Pix.

Conexão banda larga e aumento de usuários

A banda larga fixa foi apontada como o principal tipo de conexão domiciliar, representando 68% dos usuários. O levantamento constatou ainda um aumento de 39% na presença de computador ou tablet nos domicílios em 2020.

Também foi detectado um aumento da proporção de usuários de Internet na comparação com o mesmo período do ano anterior, especialmente entre os moradores das áreas rurais (de 53% em 2019 para 70% em 2020). O crescimento ainda foi constatado entre os habitantes com 60 anos ou mais (de 34% para 50%).

Os usuários também começaram a usar mais a internet para assistir programas de televisão e produções em streaming, além dos estudos à distância que cresceram durante a pandemia da Covid-19.

Website: https://globedia.com.br/

Deixe o seu comentário