Paraná 22/7/2021 –

Diante do cenário pandêmico, o e-commerce registrou alta de 127% em compras de presentes para o Dia dos Pais. Tendência deve se repetir neste ano

Não é segredo que a pandemia causada pelo novo Coronavírus afetou setores de diferentes maneiras. Seu impacto foi sentido até mesmo em datas comemorativas: no último Dia dos Pais, as lojas físicas registraram retração de 8,8% nas vendas na semana da comemoração, de acordo com dados disponibilizados pela ICVA, Índice Cielo do Varejo Ampliado. 

Ainda que as vendas no geral registrassem queda, o cenário como um todo foi considerado positivo. Isso aconteceu por conta do e-commerce, que registrou aumento de mais de 22% nas vendas no mês de agosto, ainda citando a fonte anterior. O dado não só mostra a capacidade de adaptação, como também acentua a importância da experiência de compra on-line.

Ao se olhar especificamente para o Dia dos Pais, os índices são ainda melhores: segundo dados da Social Miner em parceria com a Clearsale, a Octadesk e a Opinion Box, em 2020, mais de 6,21 milhões de pedidos de presentes foram realizados, revelando um crescimento de 127% entre a comparação das datas em 2019 e no ano anterior.

Experiência on-line

As compras a distância, de fato, deixam mais opções de produtos ao alcance dos consumidores e, de acordo com a pesquisa realizada pelo Google, os itens são escolhidos a dedo. Entre os presentes mais buscados no último ano estão: camisetas “tal pai, tal filho”, que registraram aumento de busca de mais de 97%,  e Smartwatches, com 59% de crescimento na procura. Além destes, calçados e carteiras também aparecem nos itens mais procurados. 

Há pouco mais de um mês do Dia dos Pais, a situação atual do Brasil segue bastante parecida com a do ano anterior. Ainda citando o Google, pode-se constatar que mais de 19% dos consumidores não pretendiam se deslocar até as lojas físicas para adquirir presentes em 2020. Fernando Lorenzzo, sócio-fundador da MVCK, e-commerce de moda masculina, entende que este ano será bem parecido. 

“Com a situação atual, todo cuidado é pouco. Por isso, realizar compras pela internet evita a exposição e entrega a praticidade que o momento demanda. Acessando os sites corretos, é possível ter uma experiência bastante parecida e encontrar itens satisfatórios em apenas alguns cliques”, explica.

Para atender essa demanda, a MVCK, por exemplo, esforça-se para entregar uma experiência de compras próxima da realidade presencial, com opções variadas de bonés, roupas, acessórios, assim como possui uma equipe de atendimento dedicada ao auxílio das compras. “Com os homens se cuidando cada vez mais e o Dia dos Pais se aproximando, estamos buscando trazer o máximo possível de recursos disponíveis para que a experiência de compra seja positiva”, acentua Logan Lobato, sócio da MVCK.

Os sócios dizem  isso com base em dados disponibilizados pelo SEBRAE, Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas empresas: todos os anos, o mercado de moda masculina cresce 14% – quase o dobro em relação ao feminino. “Além disso, 40% dos homens que fazem compras on-line atualmente estão em busca de roupas e outros itens de moda”, finaliza Lorenzzo.

Para saber mais, basta acessar: https://www.mvck.com.br

Website: https://www.mvck.com.br

Deixe o seu comentário