30/11/2021 –

Persio Neto, Gerente de Filial na Costa Brasil, fala sobre os fatores que impulsionaram o crescimento do setor portuário e referente o aumento da movimentação de cargas nos portos brasileiros.

A crise sanitária do novo coronavírus e consequentemente o isolamento social ao nível global, trouxeram mudanças significativas nos hábitos de consumo da população. Enquanto alguns setores tiveram uma queda considerável, outros foram impulsionados pela pandemia.

Segundo informações divulgadas pela Agência Nacional de Transportes Aquaviários (ANTAQ), o setor portuário brasileiro movimentou 591 milhões de toneladas de cargas no primeiro semestre de 2021. O número representa um crescimento de 9,4% em relação ao mesmo período do ano passado. 

Persio Neto, Gerente de Filial na Costa Brasil, fala sobre esse número: “É importante ressaltar que em 2020 houve um crescimento de 4,2% sobre 2019. Acredito que a grande desvalorização do real frente ao dólar proveu aumento das exportações de produtos, como grãos e petróleo bruto, esses pontos são influenciadores do aumento neste primeiro semestre”.

O minério de ferro foi a carga mais transportada nos primeiros seis meses do ano de 2021: 171,8 milhões de toneladas, com um crescimento de 12% em comparação com o primeiro semestre de 2020. Já o petróleo apareceu na segunda posição com 97,2 milhões de toneladas, crescimento de 8%. A soja, contêineres e derivados de petróleo também se destacaram.

Para Persio, o investimento linear é fundamental para o crescimento do setor: “Para que esse crescimento continue em 2022, é necessário tomar ações que auxiliem a escoar a produção de nosso agronegócio bem como repensar as estruturas dos principais portos permitindo investimentos, assegurando maior eficiência. Importante criar um cenário econômico que viabilize a consolidação de outros setores industriais como protagonistas de crescimento nas movimentações em nossos portos”. 

Segundo o levantamento da ANTAQ, a expectativa para o segundo semestre deste ano é que os portos brasileiros movimentem 626 milhões de toneladas. Promessa de crescimento de 5,5% em relação a 2020.

Website: https://www.costabrasil.com.br/

Deixe o seu comentário