Sorocaba. 16/7/2021 – Com a coleta mecanizada os benefícios são inúmeros para a população, coletores, empresas de coleta e município.

Com a conteinerização dos municípios e coleta mecanizada, a gestão dos resíduos sólidos urbanos é mais segura e eficiente.

Nos últimos meses cada vez mais se fala sobre a gestão eficiente dos resíduos sólidos urbanos. Principalmente nas grandes cidades esse é um assunto que perpassa desde o meio ambiente até questões de saúde pública.

Sobre a gestão eficiente dos resíduos sólidos, a segregação na fonte com a população é uma das maneiras mais eficientes, e para isso nada melhor do que os contentores distribuídos em pontos estratégicos e próximos da população. Cidades conteineirizadas mostram a eficiência com os contentores para o armazenamento dos resíduos além de possibilitar a mecanização da coleta.

Com a coleta mecanizada os benefícios são inúmeros para a população, coletores, empresas de coleta e municípios, pois se torna notório que os resíduos se mantêm em um ponto armazenado. Os coletores evitam o acesso aos sacos de resíduos e acidentes pelo contato com o lixo, além de ser mais eficiente e econômico com o aumento das rotas devido à dinâmica do processo.

“Equipamentos e tecnologias já implantados com sucesso em pequenos e grandes municípios brasileiros e em muitos no mundo minimizam ou eliminam esses percentuais de acidente de trabalho. A conteinerização e coleta mecanizada agem diretamente e eficazmente nesses pontos”, ressalta Camila Bortoletto, Gerente de Novos Negócios da Contemar Ambiental.

Na cidade de Blumenau/SC a coleta mecanizada evolui, e com ela já é possível segregar em quatro frações, sendo um contentor para vidro, um contentor para orgânico, um contentor para reciclável e um contentor para os rejeitos. Todos esses contentores podem ser coletados mecanicamente.

Segundo Juliana Valverde, Supervisora de Marketing da Contemar Ambiental, “são mais de 250 cidades conteinerizadas pelo Brasil, mas ainda existem muitas cidades para a inserção dessa tecnologia e benefício para a gestão dos resíduos sólidos urbanos”.

Manter os resíduos nos contentores, além da preservação da saúde do coletor, é uma medida preventiva à poluição ambiental, geração de doenças para a população e serviços remediativos, como exemplo a varrição, limpeza de galerias e bocas de lobo. Isso reduz enchentes, proliferação e alimentação de insetos entre outros animais que estão associados a doenças.

Com a educação da população, ou seja, o gerador dos resíduos, somada à obrigação municipal de prover a limpeza pública, ao processo de coleta e a introdução da conteinerização para a coleta mecanizada, um grande passo é dado para gerir melhor os resíduos sólidos urbanos.

Website: http://www.contemar.com.br

Deixe o seu comentário