São Paulo 4/5/2021 – Uma grande virtude no mundo dos investimentos é perceber as oportunidades antes que todos as vejam.

Fundo de infraestrutura investe na indústria portuária, setor que se mostrou resiliente e sólido no período da pandemia

Ativo investido pelo fundo, Porto Itapoá, apresentou resultados financeiros recordes em 2020

A XP introduziu a recomendação de compra do fundo de investimento FIP-IE BRZ Infra Portos (BRZP11) com participação em infraestrutura, segundo relatório divulgado. O ativo está com o preço-alvo de R$120,00 por cota e um potencial de valorização de 64%.

De acordo com os analistas da XP, o ativo oferece uma atraente oportunidade de investimento, com base em: posicionamento estratégico no ciclo de investimento, cenário competitivo favorável e valuation atrativo sob várias métricas.

O BRZ Infra Portos (BRZP11) é um FIP-IE que investe atualmente em ações de um único ativo. O principal objetivo é potencializar o fluxo de dividendos e a valorização das cotas por meio de investimentos em ativos diferenciados da indústria portuária. A estratégia do Fundo é participar da governança das investidas com gestão ativa, de modo que o alinhamento de interesse das investidas e investidores seja favorável.

De acordo com a XP, a indústria portuária no Brasil mostrou um perfil de crescimento estável e resiliente na última década, com os volumes de contêineres aumentando a um crescimento médio de ~5% de 2010-20, muitas vezes superando o crescimento do PIB ao longo desse período.

“Vemos o único ativo da BRZ Infra Portos (Porto de Itapoá) bem posicionado para capturar a demanda futura na região sul do Brasil. Em nosso caso-base, esperamos que a atual capacidade portuária de 1,2 milhão de TEUs se expanda em 50% para 1,8 milhão até 2024. Tal plano de investimentos (e expansão de capacidade) implica uma grande vantagem competitiva para o Porto de Itapoá.”, afirma o documento.

O investidor pessoa física, em fundos de infraestrutura, tem benefício fiscal (isenção ou alíquota zero) sobre rendimentos distribuídos e sobre ganho de capital, potencializando o retorno esperado para esta classe de investidores. No caso do BRZP11, esses benefícios são potencializados pela crescente expansão do ativo investido e pelos diferenciais competitivos do mesmo. Lançado em fevereiro do ano passado, atualmente possui participação indireta de 22,9% no Itapoá Terminais Portuários S.A. e captou R$ 616 milhões com uma base de 4,3 mil investidores.

Uma grande virtude no mundo dos investimentos é perceber as oportunidades antes que todos as vejam. É um ótimo momento para os investidores se atentarem aos FIPs-IE, com projetos sólidos e altas expectativas de retorno, afirma Ricardo Propheta, diretor da BRZ Investimentos.

O relatório está disponível em: https://conteudos.xpi.com.br/fundos-imobiliarios/relatorios/brz-infra-portos-uma-oportunidade-no-setor-de-infraestrutura/?utm_campaign=Initiation+BRZ+-+PORT&utm_content=Acesso+Bloqueado+%281%29&utm_medium=email&utm_source=EmailMarketing&utm_term=Initiation+BRZ+-+PORT

Mais informações: www.brzinfraportos.com.br

Website: http://www.brzinfraportos.com.br

Deixe o seu comentário