9/4/2021 –

As roupas podem ajudar na definição do estilo pessoal e compor a personalidade. Sendo assim, especialistas oferecem consultoria de imagem por meio de cursos on-line.

As peças de roupa têm significados diferentes para cada um – e o apreço pela aquisição do estilo próprio reflete diretamente no setor de vestuário. De acordo com dados disponibilizados pelo portal Mercado e Consumo, a venda de roupas cresceu 8,14% no ano de 2019.  

E engana-se aquele que entende que por conta do período de lockdown a preocupação com as vestimentas diminuiria. Afinal, roupas podem influenciar o humor, comportamento e performance. Dessa forma, a cromoterapia se acentua e, inclusive, já é considerada uma terapia alternativa pela OMS, Organização Mundial da Saúde. 

Seja por bem-estar, vaidade ou reforço da autoestima, as roupas se demonstram como opção democrática para todos. De acordo com dados dispostos no livro Qual é a sua imagem, escrito por Patrícia Tutti em 2012, 55% da primeira impressão que as pessoas têm sobre as outras é baseada na aparência. Ou seja, a imagem passada pode causar impactos e fidelizar a frase “a primeira impressão é a que fica”. 

Cuidado com a imagem pessoal

Renata Aron, coach de alta performance, especialista em imagem com formações em Londres, Milão e Portugal e também cofundadora da empresa de consultoria de Imagem Nothing to Wear, comenta que a imagem externa está diretamente ligada ao sentimento interno. “Aceitar o que se vê no espelho incentiva o bem-estar e isso ajuda a autoestima, confiança e segurança. Nossa imagem está diretamente ligada com nosso humor, nossa produtividade e nosso amor próprio”, diz. 

Inclusive, a especialista acentua que mesmo durante a pandemia o interesse e cuidado com a autoimagem não diminuiu. Com o crescimento de seus atendimentos, Renata também aderiu à tecnologia e, atualmente, presta consultorias a distância. Além disso, ela também lançou um curso on-line para compartilhar ensinamentos. “A ideia é democratizar o acesso à informação que envolva estilo, vestimenta e aceitação da autoimagem”, acrescenta. 

Atendimentos no exterior

Muitos dos seus clientes são jogadores de futebol na Europa e suas esposas, como a Lais Moraes, esposa do Ederson, jogador do Manchester City. Na Espanha, a Ainê e seu esposo, Phelippe Coutinho, que joga em Barcelona, também já utilizaram os serviços de Renata.

Por fim, a especialista explica que o que a fez adentrar este mundo foi reconhecer a importância da autoestima. “Nossa imagem ajuda em todos os aspectos do cotidiano – do pessoal ao corporativo. Por isso, eu quero poder ajudar as pessoas a combinarem a personalidade, estilo e mensagem que desejam passar”.

Para saber mais, basta acessar: https://www.renataaron.com/store

Website: https://www.renataaron.com/store

Deixe o seu comentário