1/11/2021 –

Solenidade de entrega aconteceu em Mato Grosso para o produtor Eraí Maggi e contou com a presença dos presidentes da divisão agrícola da Bayer Brasil e América Latina

As primeiras sacas da terceira geração de biotecnologia para soja da Bayer, Intacta2 Xtend, foram entregues nesta quinta-feira, 28, na fazenda Santa Luzia, em Sapezal (MT), para o produtor Eraí Maggi, sócio da Bom Futuro. A perspectiva é que a nova biotecnologia seja cultivada em aproximadamente 420 hectares nesta safra pela empresa.

Lançada em junho deste ano, a Plataforma INTACTA2 XTEND® contou com pesquisas, estudos e a intensa parceria com produtores rurais, acadêmicos e as principais empresas de sementes, como a Bom Futuro, para chegar ao mercado de forma precisa, impactando o potencial produtivo e levando ao crescimento da produtividade da soja brasileira.

“Nós da Bayer buscamos constantemente entregar soluções inovadoras para contribuir com cultivos ainda mais sustentáveis, que tragam ganhos de produtividade, mas também que ajudem na otimização do uso de recursos naturais e insumos. Esse trabalho em equipe com nossos parceiros e atores da cadeia foi crucial para moldarmos essa nova biotecnologia”, afirma Maurício Rodrigues, presidente da divisão agrícola da Bayer para a América Latina.

“Desde que chegou no Brasil, há 125 anos, a Bayer investe em inovação e vem evoluindo sua expertise e pioneirismo em ofertar as principais biotecnologias ao mercado. É com grande satisfação que damos mais um importante passo na evolução da agricultura brasileira. Com a chegada da Plataforma INTACTA2 XTEND®, caminhamos para alcançar um novo patamar de produtividade”, diz Malu Nachreiner, presidente da divisão agrícola da Bayer Brasil.

Além dos dois executivos, a solenidade de entrega das sacas contou também com a presença do vice-presidente da área comercial da divisão agrícola da Bayer no Brasil, Marcio Santos, e da líder de Lançamento da Plataforma INTACTA2 XTEND®, Natália Carvalho.

Intacta2 Xtend é a mais avançada biotecnologia disponível no mercado brasileiro. Com três proteínas atuando de forma simultânea, visa levar os sojicultores brasileiro a um novo patamar de produtividade, além de proporcionar proteção mais abrangente contra as principais lagartas da cultura da soja, com escopo de defesa de seis espécies relevantes, incluindo a Helicoverpa armígera e a Spodoptera cosmioides. Para o manejo de plantas daninhas, ferramentas como glifosato e dicamba fazem parte da Plataforma, entregando ao sojicultor mais uma opção no manejo no pré-plantio da soja para buva, picão-preto, corda- -de-violão e caruru.

Para esta safra 2021/2022, agricultores brasileiros licenciados têm à disposição mais de 30 variedades da soja com tecnologia INTACTA2 XTEND®, desenvolvidas em parceria com empresas de sementes para as principais regiões sojicultoras do Brasil, sendo três delas desenvolvidas exclusivamente para áreas de refúgio. Para a próxima safra, a expectativa é de mais de 50 variedades estarem disponíveis para os produtores. Produtores de todo o Brasil poderão acompanhar este resultado por meio das mais de 1500 áreas de geração de demanda.

Website: http://www.bayer.com.br

Deixe o seu comentário