São Paulo, SP 4/2/2021 – Antes da pandemia as administradoras dependiam de processos manuais, como a famosa pasta de prestação de contas física, hoje, elas contam com soluções na nuvem.

A pandemia fez com que as administradoras de condomínios tivessem que adaptar suas operações para o home office. Dessa forma, encontraram soluções para digitalizar seu trabalho e automatizar processos.

A pandemia do Coronavírus fez com que o mundo todo tivesse que adotar medidas para frear o avanço da doença. Entre essas medidas, empresas de diversos setores tiveram que se adaptar a novos processos de trabalho e isso acelerou o processo de transformação digital.

No Brasil, muitas administradoras de condomínios contribuíram para manter seus colaboradores e clientes seguros, diminuindo os riscos de contaminação através da alteração das suas operações para o home office. 

Nesta transformação digital, contratar um sistema completo para gestão de condomínios e aplicativo para os moradores fez com que administradoras de condomínios atravessassem a pandemia de forma mais tranquila.  

Segundo Marcus Nobre, CEO e Cofundador da plataforma uCondo – sistema para gestão de condomínios e aplicativo para os moradores, as administradoras estão priorizando focar em seu core business e crescimento, do que investir muito dinheiro tentando reinventar uma solução na qual empresas especialistas já vêm atuando.

Se antes da pandemia as administradoras dependiam de processos manuais, como a famosa pasta de prestação de contas física, hoje elas podem contar com o apoio de um sistema para condomínio como o uCondo, que permite que tanto os colaboradores quanto os clientes acessem quando e onde quiserem: documentos, relatórios, boletos, boletos, entre outras informações e serviços de forma inteligente.

A uCondo sentiu o impacto da transformação digital na pandemia: a startup teve crescimento de 300% no ano de 2020 e entre seus clientes se encontram administradoras de condomínio interessadas em mudar de um modelo de negócios arcaico para o digital.

É o caso de algumas administradoras de grande porte da base de clientes da uCondo, que relatam como foi a transformação digital em seus processos e os preparativos para o home office com a migração de processos manuais para a plataforma completa de gestão de condomínios e aplicativo para moradores. 

Antes de contratarem ou migrarem para essa plataforma para condomínio, os processos eram realizados em um sistema que funcionava apenas nos computadores dessas administradoras, com usuários ilimitados, sem qualquer possibilidade de acessar via nuvem – de qualquer lugar do mundo e com segurança. Com a uCondo, as administradoras de condomínios possibilitaram com que, pela primeira vez, seus colaboradores trabalhassem em casa de forma segura, o que antes era impossível. 

Segundo Marcus Nobre, as administradoras de condomínios não suspenderam suas atividades durante a pandemia devido a soluções na nuvem e inteligentes como a uCondo. Inclusive, ressalta que tiveram casos de administradoras que duplicaram sua base de clientes durante a pandemia, prestando um atendimento de qualidade e totalmente digital.

“Com o nosso sistema, as administradoras de condomínios além de conseguirem atravessar de uma forma tranquila este momento delicado de pandemia, deram um salto enorme em relação à inovação e passaram a enxergar novas oportunidades com a plataforma.”

O sistema uCondo auxilia administradoras de condomínios em toda a sua gestão condominial. A startup uCondo existe desde 2015 e hoje se encontra em 24 estados com mais de 120 mil usuários em uma única plataforma 100% on-line na nuvem, que conecta administradoras, síndicos, moradores e bancos.

Mais informações sobre o sistema para administradoras em: https://www.ucondo.com.br/ 

Website: https://www.ucondo.com.br/

Deixe o seu comentário