São Paulo 9/7/2021 –

O excesso de gordura localizada em determinadas aéreas do corpo é muito comum. Pessoas buscam tratamentos para se livrar dessa insatisfação estética em clínicas especializadas. As regiões mais comuns em que se apresentam essa adiposidade são abdômen, costas, pernas, braços, flancos e culotes. Atualmente, há tratamentos avançados para combater esse problema estético.

O acúmulo de gordura localizada em determinadas aéreas do corpo é muito comum. Pessoas buscam tratamentos para se livrar dessa insatisfação estética em clínicas especializadas. As regiões mais comuns em que se apresentam essa adiposidade são abdômen, costas, pernas, braços, flancos e culotes.

Com o avanço tecnológico existem diversos procedimentos estéticos capazes de eliminar a gordura localizada. Importante destacar que tais procedimentos não têm objetivo de tratar sobrepeso ou obesidade, por se tratar de um tratamento estético e pontual.
Abaixo segue a lista dos procedimentos mais utilizados atualmente em clínicas de estética:

1. Criolipólise
É um procedimento que utiliza baixas temperaturas para eliminação da gordura localizada. Ao aproximar o aparelho na superfície da pele a gordura é congelada. Rompendo as células de gordura ao atingirem temperatura negativa; fazendo com que o organismo expila essas células naturalmente.
Tal procedimento garante a redução de até 25% da gordura na região submetida, após três meses de tratamento. Sendo contraindicada para gestantes, pessoas alérgicas ao frio, áreas com alta flacidez e com tumor.

2. Radiofrequência
Esse é um procedimento que pode ser realizado tanto no corpo como no rosto. Através de um laser há um aumento da temperatura da pele em até 42 °C. Tal aquecimento atinge as camadas de colágenos, fibras musculares e células de gordura. Tornando o tecido da pele mais saudável e eliminando a gordura da região aplicada. O procedimento é contraindicado para áreas com tumor, gestantes, pessoas com prótese e quem possui DIU de cobre.

3. Lipocavitação
A Lipocavitação é feita através de ultrassom, emitindo ondas de baixa frequência criando cavidades nas células de gordura. As cavitações rompem as células de gordura que posteriormente serão eliminadas pelo corpo de forma natural.
Há uma lista de contraindicações para pessoas gestantes, diabéticas, que possuem alterações nos rins ou fígado, problemas cardíacos ou trombose; alteração nas taxas de colesterol ou triglicérides, que tenha histórico de tromboembolismo, possua próteses metálicas ou tenha dermatite.

4. Intradermoterapia
É um procedimento eficiente para gordura localizada, contudo, é mais eficaz em conjunto com outros procedimentos, potencializando os resultados. A Intradermoterapia é feita através de injeções com substâncias lipolíticas, ou seja, atuando na quebra de células de gordura. A utilização de pequenas agulhas torna o tratamento praticamente indolor.
Esse tratamento é contraindicado para pessoas com alergia a substâncias aplicadas, tumores locais, lesões na pele no local de aplicação e infecções locais.

5. Endermologia
O procedimento é realizado por meio de sucção do tecido, através de um equipamento como o Dermotonus da ibramed , provocando o rompimento das células de gordura, causando o efeito de remodelamento da região. O Endermologia quebra as fibras endurecidas, ou nódulos de celulite em grau avançado. O procedimento também impulsiona a drenagem de líquidos em todo o corpo. O principal objetivo dessa intervenção estética é remodelar as células de gordura, enquanto que também pode as destruir.

As principais promoções desse procedimento são o tratamento de celulite, a destruição e remodelação da gordura localizada, reafirmação cutânea, contornos da silhueta e amenização de fibroses. Sendo contraindicada para gestantes, ou pessoas que tenham varizes e tenham menos de quarenta dias de pós-operatório.

Existem outras intervenções para gordura localizada para tratar os incômodos estéticos; mas a recomendação é que antes de realizar qualquer procedimento cirúrgico consulte um profissional de confiança, sendo este quem irá direcionar qual procedimento mais se adequa ao biotipo, não desfavorecendo a saúde.

Website: http://www.hsmed.com.br

Deixe o seu comentário