São Paulo 30/4/2021 – Identificamos a necessidade de atuar como apoio em frentes que vão além do nosso dia a dia

Grupo francês investiu mais de R$ 650 mil reais em testagem dos colaboradores além de realizar doações para comunidades próximas as suas fábricas

Empresas do setor químico, como o grupo francês Arkema, têm investido em ações que buscam minimizar os impactos da pandemia do coronavírus entre seus colaboradores. Desde o início da pandemia, alinhada com as práticas recomendadas pela Organização Mundial de Saúde (OMS), a empresa atua de maneira constante para prevenir o contágio entre os colaboradores e adota práticas que buscam minimizar riscos em suas fábricas.

Desde março de 2020, grande parte dos funcionários atua em home office. Para tornar essa transição mais fácil, a empresa implementou uma política que disponibiliza uma verba para colaborar com as despesas com energia elétrica e internet, por exemplo. Também foram criados programas focados em bem-estar. Aulas de ioga e meditação foram somadas à ginástica laboral que já era praticada, agora de forma remota.

Para aqueles que trabalham presencialmente, o já rígido protocolo de segurança também foi reforçado. Higienização e EPIs que já eram parte do processo de cada fábrica foram atualizados de acordo com as recomendações da OMS. Além disso, cada funcionário passou a ter direito a testagem regular para identificar a presença do vírus. Foram realizados em 2020 mais de 3 mil testes, o que corresponde a um investimento de R$ 650 mil.

Uma iniciativa que se destaca é o suporte de psicólogos e assistentes sociais oferecido aos colaboradores. “Identificamos a necessidade de atuar como apoio em frentes que vão além do nosso dia a dia, já que este momento que vivemos é completamente novo e desafiador. Com isso, trouxemos assistentes sociais e psicólogos para realizar atendimento aos colaboradores que infelizmente perderam pessoas próximas. O suporte se mostrou tão efetivo que pretendemos transformar em algo permanente”, conta Gustavo Grecco, diretor de Recursos Humanos, responsável pela ação.

Além das ações voltadas aos colaboradores, em 2020, a Arkema destinou doações de cestas básicas, entre outros insumos de combate à Covid-19 como máscaras e espessantes para álcool em gel em comunidades próximas a suas plantas. Como parte da política de responsabilidade social da empresa, para 2021, estão previstas doações para as cidades de São Roque, Rio Claro e São Paulo (SP), Duque de Caxias (RJ) e Camaçari (BA).

“Cuidar dos nossos colaboradores e das suas famílias, além de contribuir com as comunidades ao nosso redor faz parte do que a Arkema acredita. Num mundo com desafios econômicos, ambientais e sociais consideráveis, estamos cultivando o diálogo aberto entre a empresa e nossos públicos internos e externos. Isso é fundamental para entender expectativas, construir relações de confiança, cooperação e reforçar o valor da solidariedade para todos”, afirma Eric Schmitt, presidente da Arkema Brasil.

A Arkema oferece um portfólio de tecnologias de qualidade para atender à demanda cada vez maior por materiais inovadores e sustentáveis. O Grupo está estruturado em 3 segmentos dedicados a Materiais Especiais: Soluções adesivas, Materiais Avançados e Soluções de Revestimento. A Arkema oferece soluções tecnológicas para enfrentar os desafios de, entre outras coisas, novas energias, acesso à água, reciclagem, urbanização e mobilidade, além de promover um diálogo aberto com todos os seus stakeholders. O Grupo registrou vendas de € 8,7 bilhões em 2019 e opera em cerca de 55 países com 20.500 funcionários em todo o mundo.

Website: http://www.arkema.com/brazil/en

Deixe o seu comentário