São Paulo, SP 28/5/2020 – Com o espaço de exibição de trabalhos por meio de pôsteres, buscamos dar luz a um maior número de pesquisas, inclusive de graduação

Chegando à décima edição, o Prêmio IESS de Produção Científica em Saúde Suplementar se consolida como a principal premiação de trabalhos acadêmicos com foco no setor e continua apresentando novidades a cada edição. Para comemorar uma década, o IESS ampliou a recompensa para os trabalhos vencedores e passará a premiar os orientadores dos estudos. Além disso, irá manter a área de exposição de pôsteres de trabalhos, inaugurada há dois anos. Os selecionados apresentarão suas pesquisas na cerimônia de entrega do Prêmio, que acontecerá em dezembro, em São Paulo.

“Este ano é um marco para nós por representar a longevidade da premiação com uma década, mais de 50 trabalhos laureados e dezenas avaliados”, conta José Cechin, superintendente executivo do IESS. “Com o espaço de exibição de trabalhos por meio de pôsteres, buscamos dar luz a um maior número de pesquisas, inclusive de graduação. Ainda mais neste ano tão fundamental para o setor de saúde em função da pandemia de Coronavírus”, avalia.

Exatamente por saber da importância na construção de conhecimentos e ferramentas em prol do desenvolvimento da saúde suplementar no País, a ação busca dar maior visibilidade para pesquisadores e trabalhos de graduação – que não concorrem aos prêmios principais – visando fomentar a produção entre as diferentes esferas do universo acadêmico.

Os resumos para os pôsteres devem estar relacionados com o setor de saúde suplementar do Brasil e se enquadrar nas seguintes categorias: Economia, Direito e Promoção de Saúde, Qualidade de Vida e Gestão em Saúde. Além disso, os resumos dos trabalhos devem estar em língua portuguesa com, no máximo, 2.000 caracteres que contenham os itens Objetivo, Método, Resultado e Conclusão.

As inscrições para esta modalidade podem ser feitas por meio do formulário (https://www.iess.org.br/?p=questionarios&id=6) e se encerram no dia 15 de setembro. Vale reforçar que a submissão na categoria de pôsteres não contempla premiação como no caso do Prêmio IESS para pesquisas de pós-graduação.
“Estamos ansiosos para conhecer os diferentes trabalhos inscritos, que certamente irão propiciar uma análise retrospectiva sobre o setor, apresentar avanços, conquistas e propor ferramentas para auxiliar no seu desenvolvimento”, conclui José Cechin.

Esse e outros detalhes do Prêmio IESS de Produção Científica em Saúde Suplementar foram tratados em recente webinar. Assista – https://www.youtube.com/watch?v=TslbPNo4iqE

Website: https://iess.org.br

Sem categoria

Deixe o seu comentário